Seguidores

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Ser Bonita...


Um dia no meio de um jardim, uma flor silvestre sonhava em ser uma linda flor, exuberante, que chamasse a atenção de todos, que a todos encantasse com seu perfume e esplendor!
E ao seu lado uma outra flor silvestre notava a sua tristeza e lhe perguntou:
_ Por que você está tão triste florzinha?
_ porque não sou ninguém, as pessoas não me notam, nem sequer olham pra mim, não tenho beleza, não sou tão perfumada como outras flores requintadas!
_ Ora! Quem te disse que não és bela e perfumada?
_ A indiferença das pessoas, que ao passarem por aqui, nem nos notam, mas olham com entusiasmo as flores cultivadas no jardim!
_ Ora florzinha! Esqueces do seguinte fato: Quando as pessoas passam por aqui, olham sim para as flores requintadas como dizes, mas quando querem se enfeitar, pegam uma de nós para pôr em seus cabelos e se sentirem mais belas!
Quando o rapaz vem fazer declarações de amor para sua amada, enche as mãos de muitas de nós fazendo um lindo bouquê para fazê-la sentir-se amada por ele.
E sabe porquê?
Por que as flores requintadas demais e exuberantes demais, não podem ser arrancadas, tem de ficarem ali, estáticas e assim, não participam da vida de ninguém, da alegria, do amor de alguém, assim como nós!
Nossa vida pode ser encurtada com isso, mas a vivemos intensamente cada segundo!
Ser bonita, não é ser uma peça de ornamento, Ser bonita é a simplicidade da vida, é a delicadeza dos gestos, é a importância que temos em cada momento na vida de alguém...
E cada um de nós tem beleza, e isto está nos olhos de quem nos vê e de como nos vê, a beleza maior é a do espírito, pois esta, nem o tempo pode corroer!
A florzinha então, olhou para a outra flor e disse:
_ És sábia! Pois tuas palavras me fizeram sentir melhor e vejo que tens razão!
Vejo agora que o nosso colorido faz deste jardim mais vivo e a beleza está dentro do nosso coração!

Cristina Almeida

Nenhum comentário: