Seguidores

domingo, 9 de junho de 2013

Óleo De Rícino




Foto Cristina Almeida
(Castor Oil - Óleo de Mamona = Óleo de Rícino)


Composto de triglicérides contendo os àcidos graxos:

- Àcido Ricinoleico > 89,5%
- Àcido Linoleico > 4,2%
- Àcido Esteárico > 1,0%
- Àcido Palmítico > 1,0%
- Àcido Dihidroxiesteárico > 0,7%
- Àcido Licosanoico > 0,3%
- Àcido Linolênico > 0,3%

O óleo de rícino ou mamona é composto de 89,5% do triglicéride do ácido Ricinoleico ( Que é um limpador e facilitador do processo cicatricial./ Usado em tratamento de feridas infectadas como coadjuvante da antibioticoterapia sistêmica.)Rico também em Vitamina E.
Como vimos seu teor bactericida e fungicida é muito grande!
O que facilita a retirada de toxinas do couro cabeludo, além de nutrir e hidratar!
Ele atua como um umidificador, absorvendo para si a umidade do ambiente, deixa o cabelo mais encorpado, estimula o crescimento do fio, ajuda a eliminar pontas duplas, dá balanço, combate a caspa, dá peso, combate a queda do cabelo, promove o crescimento e fortalecimento ( cabelo, sobrancelhas e cílios).
Excelente para reforçar as unhas, ajuda a ter cílios mais longos e espessos.

PODE SER USADO:

- Puro, direto na raiz do cabelo em massagens circulares.
(Use preferencialmente à noite, coloque uma touca e retire no dia seguinte com o shampoo de sua preferência, após condicione.)

- Misturado aos cremes de Hidratação e Nutrição, para potencializar.

- Na umectação com outros óleos, como: azeite de oliva extra virgem, óleo de coco, óleo de girassol...

Nenhum comentário: